Archive for novembro, 2016

Nada Somos

tumblr_mNADA SOMOS

Rasguem suas vestes
e se despem de seus ouros
– Que nada somos,
Meu Deus!

Nosso valor
está em Ti dentro de nós
– Meu Deus,
eu creio e mais nada!

Marli Savelli

30 de novembro de 2016 at 17:55 Deixe um comentário

Temporal

chuva2TEMPORAL

Estar é verbo temporal, ou seja, indica só uma estação, um estado. Por isso, se está é porque vai passar!

Marli Savelli

26 de novembro de 2016 at 19:35 Deixe um comentário

Você é Uma Arte

core

VOCÊ É UMA ARTE

O homem foi feito do pó
A mulher feita da costela do homem

– Quem assoprou nas narinas
e fez viver estes ossos,
os vestiu de carne
e criou estes cabelos?

Ao homem deu a força física
A mulher a resistência

– Quem perfumou o jardim
e fez a estrelas e o mar,
deu vida aos lobos
e ensinou voar os pássaros?

Quão pavoroso é ser sozinho,
pensou Deus.

Marli Savelli

26 de novembro de 2016 at 19:10 Deixe um comentário

Eu Sou Sua Filha e Você é o Meu Pai

dd77087

EU SOU SUA FILHA E VOCÊ É O MEU PAI

Mesmo quando eu achava que poderia ser menos,
me deste o melhor.
Mesmo quando eu achava que não me fazia falta,
ainda assim me deu.
Porque se importa, sim!
Imagine-se filho de Deus e Ele seu Pai
querendo te dar
o melhor de tudo.
Porque o melhor vem Dele!
“Não é você, nem homem algum, Sou Eu.”

Marli Savelli

25 de novembro de 2016 at 15:51 Deixe um comentário

Já Está Passando…

img_20161104_115801

JÁ ESTÁ PASSANDO…

Enquanto observo meu filho dormindo, penso: “ vou sentir saudades disso! ”. Mesmo da forma como tudo está acontecendo, desordenadamente, ainda que caoticamente acontecendo… está crescendo! E quando digo isso pra ele, então me responde: “Eu e você juntos somos uma família”. Que lindo! Eu sei que já está passando, e sinto saudades desde já! Não porque hoje vivemos num paraíso, embora haja paz, mas por estar próximo de alcançar o que planejamos […] E pensar em tudo que tivemos que superar juntos neste campo de batalha que atravessamos – o meu guerreiro, o meu valente, o meu companheirinho – eu não estava só, Deus me deu você! Eu podia ir sozinha, mas não queria. “Sozinha a gente vai mais rápido, mas juntos a gente vai mais longe” Eu sei que é ilusão, eu nunca me enganei, mas é o combustível pra prosseguir viagem. E saber que a gente vive quase uma vida inteira sonhando com algo que está próximo de acontecer chega a ser saudoso. E depois, que sonho vou sonhar? Porque sei que já está passando […]

Marli Savelli

23 de novembro de 2016 at 22:53 Deixe um comentário

E Se For Tudo Um Sonho?

universo

E SE FOR TUDO UM SONHO?

Tem coisas que não dá pra tentar explicar, por mais que outra pessoa faça todo ouvidos para entender, não compreenderá se não estiver envolvida […] A sensação é de que o universo fica nos contando algo – não, não fala! Vai emitindo sinais que nem sempre conseguimos interpretar ou decodificar a informação. Não é por acaso! Ele também nos ouve, fica de olhos em todos, mas, mantendo uma certa distância – ora me puxa pra cá, ora me leva pra lá, ora me traz pra perto. Às vezes, me deixa duas opções, como se uma perna direita e outra esquerda que me levasse um pouco mais adiante, mantendo o meu equilíbrio físico e espiritual.

Marli Savelli

22 de novembro de 2016 at 20:33 Deixe um comentário

Faz Bem

banho-de-chuva

FAZ BEM

Um pouco de sol faz bem,
muito sol não.

Um pouco de chuva faz bem,
muita chuva não.

Um pouco de açúcar faz bem,
muita açúcar não.

Um pouco de sal faz bem,
muito sal não.

Marli Savelli

21 de novembro de 2016 at 14:52 Deixe um comentário

Posts antigos


Obrigada =)

  • 97,345 Pescadores de Ilusões
"Eu escrevo o que me vem ao coração, não me pergunte o porquê nem pra quem. Preciso!"

.............................................

Proteção Anti-Cópia – O blog está protegido pela Lei de Direitos Autorais. Os textos aqui contidos não podem ser utilizados sem prévia e expressa autorização da autora, ficando o infrator sujeito às penas da Lei 9.610 de 19/02/1998.

Licença Poética

Licença poética é uma incorreção de linguagem permitida na poesia. Em sentido mais amplo, são opiniões, afirmações, teorias e situações que não seriam aceitáveis fora do campo da literatura. A poesia pode fazer uso da chamada licença poética, que é a permissão para extrapolar o uso da norma culta da língua, tomando a liberdade necessária para utilizar recursos como o uso de palavras de baixo-calão, desvios da norma ortográfica que se aproximam mais da linguagem falada ou a utilização de figuras de estilo como a hipérbole ou outras que assumem o caráter "fingidor" da poesia, de acordo com a conhecida fórmula de Fernando Pessoa ("O poeta é um fingidor").

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Lançando a Rede

Últimos posts do blogue: PALAVRAS RABISCADAS

Pedro Cardoso fala sobre Nudez na TV

A nudez é uma crise na narrativa (…)

Dicas de Língua Portuguesa

1 2 . 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 20 21 22  

Deus É Maior

DEUS É MAIOR Deus criou a mulher e junto com ela criou a fantasia. Foi assim que uma vez a Verdade desejou conhecer um palácio por dentro e escolheu o mais suntuoso de todos, onde vivia o grande sultão Haroun Al­-Raschid. Vestiu seu corpo apenas com um véu transparente e pouco depois chegou à porta […]

Não Há Lugar Melhor Que O Nosso Lar

Trecho de Clip Musical retirado do filme “BOLT – O SUPER CÃO”  “Não há lugar melhor que o nosso lar.” – em O Mágico de Oz [Dorothy]

Escrever é Esquecer

Escrever é esquecer. A literatura é a maneira mais agradável de ignorar a vida. A música embala, as artes visuais animam, as artes vivas (como a dança e a arte de representar) entretêm. A primeira, porém, afasta-se da vida por fazer dela um sono; as segundas, contudo, não se afastam da vida – umas porque […]

Por Clarice Lispector

“Então escrever é o modo de quem tem a palavra como isca: a palavra pescando o que não é palavra. Quando essa não-palavra – a entrelinha – morde a isca, alguma coisa se escreveu. Uma vez que se pescou a entrelinha, poder-se-ia com alívio jogar a palavra fora”. C. Lispector

Prêmio Dardos

Prêmio indicado por Helena Frenzel, do blogue bluemaedel.blogspot.com. Obrigada, querida, pelo carinho, reconhecimento e leituras. “A conquista é nossa! Eu digo nossa porque, a conquista nunca é solitária, existe mais alguém:- aqui, “o leitor”! .Ele me motiva a continuar, está a me inspirar (...)” Marli Savelli

Arquivos