Posts tagged ‘Entendendo o Apocalipse’

XVII – O Novo Céu e a Nova Terra

novaterra

XVII – O NOVO CÉU E A NOVA TERRA

O primeiro céu é aquele que vemos aos olharmos da terra para cima, já é passado. O segundo céu é o espaço sideral, universo infinito, que não se pode medir. E é no terceiro céu que se encontra a casa de Deus, a Santa Cidade, que agora estará entre os seres humanos, o paraíso, onde todos os dias teremos paz, uma eterna manhã, não precisará de sol nem de lua, o brilho de Deus a iluminará como o de uma joia muito preciosa, as ruas são feitas de ouro. Não haverá mais morte nem tristeza, nem choro nem dor, e tudo o que perdemos o direito no início por causa do pecado de Adão e Eva, recuperamos agora, inclusive o rio da árvore da vida, com águas puras  e cristalinas […] Entrará nesta cidade aquele que tiver as vestes lavadas no sangue do Cordeiro.

Marli Savelli

Anúncios

23 de fevereiro de 2018 at 12:46 Deixe um comentário

XVI – O Julgamento Final

o-livro-da-vida

XVI – O JULGAMENTO FINAL

Todos os mortos não salvos, do primeiro ao último, do princípio ao fim, serão convocados para comparecerem diante do trono branco, tanto os importantes como os humildes, para serem julgados de acordo com o que cada um havia feito, conforme o que estava escrito nos livros, não haverá meio de escapar para parte alguma – é o dia do acerto de contas! A morte e o mundo dos mortos entregarão a todos que estiverem em seu poder. E abrirão-se os livros e o Livro da Vida. Então, a morte será lançada no lago de fogo, e aqueles que não tiverem seu nome escrito no Livro da Vida, sendo examinado e considerado réu,  será condenado ao lago que arde com fogo e enxofre, que é a segunda morte.

Marli Savelli

22 de fevereiro de 2018 at 12:51 Deixe um comentário

XV – Os Mil Anos

milenio

XV – OS MIL ANOS

O reinado de mil anos inicia com a Volta de Cristo, onde o diabo será acorrentado no abismo, e não será solto até passar esse tempo. A terra estará caoticamente vazia, sem nenhum ser vivente, pois, qualquer que morar nela morrerá, até os passarinhos terão fugidos, as cidades arrasadas pelo furor de Deus e tudo estará deserto e solitário. A noiva de Cristo receberá poder para com Ele julgar o mundo e os anjos caídos. Pois, acabado o milênio, Satanás precisará ser solto da prisão, por pouco tempo,  onde os mortos ímpios também acordarão do sono da morte, para juízo, no mesmo corpo que tinham quando morreram. E o diabo sairá a enganá-los novamente, e juntará os ímpios de todas as épocas, que são tantos como a areia da praia, e os intentará travar uma nova batalha de conquista da Cidade Santa. E um fogo descerá do céu  e destruirá a todos, que serão lançados no lago de fogo e enxofre, onde o anticristo e o falso profeta já haviam sido jogados, e serão atormentados de dia e de noite, pelos séculos dos séculos.

Marli Savelli

21 de fevereiro de 2018 at 12:22 Deixe um comentário

XIV – A Volta de Cristo

voltadecristo

XIV – A VOLTA DE CRISTO

No arrebatamento, Cristo vem para a sua noiva, e será uma surpresa – o dia e a hora, ninguém sabe! Na segunda volta de Cristo, Ele vem com a sua noiva, mas, dessa vez, a sua vinda não vai surpreender quase ninguém na terra, porque todas as revelações já foram cumpridas, o mundo estará quase todo destruído pela guerra, fome e os juízos de Deus – todo o olho o verá, em todas as partes do mundo […]  Quando Israel estiver quase derrotado, numa batalha decisiva do Armagedom,  Jesus Cristo voltará, e os judeus vivos reconhecerão o seu esperado Messias, que montado num cavalo branco, destruirá os reis do mundo inteiro e seus exércitos, aprisionará o Anticristo e o Falso Profeta e os lançará vivos no lago de fogo e enxofre, presidindo o Julgamento Final e a abertura dos livros e o Livro da Vida.

Marli Savelli

19 de fevereiro de 2018 at 12:34 Deixe um comentário

XIII – A Grande Prostituta

prostituta

XIII – A GRANDE PROSTITUTA

Babilônia é a grande prostituta, igreja infiel, a mãe das meretrizes, filhas que seguem as mesmas práticas, doutrinas e tradições, bebem do mesmo vinho, o sangue dos santos, perseguidos e mortos por este poder religioso, e ainda embriagam os que habitam na terra, que estão sob o seu domínio, de forma que não podem discernir a verdade do erro, enganando a muitos […] Em algum momento virá à lucidez, e estes a odiarão, e se voltarão contra ela, pois, perceberão que foram ludibriados, e pelejarão contra ela, mas, poderá ser tarde, porque a porta da graça estará fechada: “Sai dela, povo meu, para que não sejais participantes dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas” Ai, ai dela!

ORAÇÃO DE ENTREGA
Meu Senhor,  sabes que eu sempre te amei,  ([ou] ainda que tarde, eu te amei), que eu não amei as coisas deste mundo mais do que eu amei a tua Palavra, ([ou] não me arrebataste, mas feriste-me com a Tua Palavra e agora esparge em mim o teu perfume),  me perdoe! Eu sei que os prazeres deste mundo me seduziram, mas hoje eu sei que eu sou mais do que um corpo, e foi o Senhor quem me criou, eu sou teu (tua). Eu tentei andar de forma correta, me desviando do mal, sendo uma pessoa do bem, me inspirando em pessoas boas, quando eu estava enganado, na verdade eu deveria ter me espelhado em Jesus, procurei ser uma pessoa justa, mas, aconteceu do pecado  ser mais forte do que eu, porque eu não O conhecia verdadeiramente. Eu sinto muito medo, neste momento de tribulação, me ajuda nesta hora tão difícil. A minha alma te pertence como nunca pertenceu a nem um outro, por isso eu clamo pela tua misericórdia infinita. “__Onde é que Tu habitas, meu Papai? Eu quero morar contigo na tua casa, me leva”. Não resta mais dúvida, eu me entrego! 

 

Jesus prediz: Pedro, tu me amas?

 – Sim, Senhor, por ti darei a minha vida.

Respondeu-lhe, Jesus: Tu darás a tua vida por mim, Pedro? Na verdade, na verdade te digo que não cantará o galo enquanto não me tiveres negado três vezes. João 13:37,38

Música: O Lamento de Israel

Marli Savelli

7 de fevereiro de 2018 at 13:00 Deixe um comentário

XII – As Taças da Ira de Deus

taças da ira

XII – AS TAÇAS DA IRA DE DEUS

Os selamentos já foram concluídos, terminaram as chances de salvação e arrependimento para a humanidade. As pragas começaram a ser derramadas sobre a terra, os sete anjos com as sete taças de ouro cheias do seu furor – é o fim da ira de Deus!

primeira é lançada na terra, causando feridas malignas e perniciosas que afetam a todos os “portadores da marca da besta e seus adoradores”. Assim como o segundo anjo,  derrama a taça sobre o mar, que “se tornou em sangue como de morto, e morreu todo ser vivente que havia no mar”. A terceira taça da cólera de Deus cai sobre a água, afetando os rios e fontes de águas, que também se tornaram em sangue, pois, “aqueles que derramaram o sangue dos santos de Deus, agora tem sangue a beber.” A oração dos que clamavam por justiça, no quinto selo, agora é respondida. A quarta praga resulta no calor do sol intensificado, que abrasava os homens, causando na pele queimaduras como fogo. O quinto anjo derramou a sua taça sobre o trono da besta,  e o seu reino cobriu-­se de trevas, e os homens mordiam as suas línguas, enraivecidos e loucos de dor. É lançada sobre o “grande rio Eufrates”, a sexta taça, que o secou inteiramente – sem esse rio, Babilônia não poderia sobreviver, pois ele irrigava a cidade e alimentava as suas plantações e fornecia água para os seus habitantes. E, finalmente, o sétimo anjo entornou a sua taça sobre os ares, acompanhada por uma voz que saia do Santuário Celestial, dizendo : “Está Feito” – expressando a vitória divina contra Satanás e os poderes das trevas.  E houve relâmpagos e trovões e um terremoto tal como nunca antes acontecera desde que o homem apareceu sobre a Terra.

E aqueles que serviam a besta, blasfemavam o nome de Deus por causa das suas dores e de suas chagas,  porque a sua praga era muito grande assim como é grande Aquele que tem o poder sobre estas pragas, mas, não se arrependeram das suas obras más.

Marli Savelli

6 de fevereiro de 2018 at 13:00 Deixe um comentário

XI – Os Dois Monstros e A Grande Perseguição

PRESOS

XI – OS DOIS MONSTROS E A GRANDE PERSEGUIÇÃO

O diabo não está no céu nem está no inferno, está na terra. E, sabendo que pouco tempo lhe resta para agir, cheio de grande cólera, diante de suas frustrações – “em pé na praia, convoca dois aliados monstros: um que sai do mar e outro que sobe da terra” – um ser pavoroso, com poder de destruição e grande autoridade: – o anticristo, respectivamente, sendo um líder político e diplomata e outro um líder religioso e econômico, falso profeta, onde declararão oposição a pregação do evangelho e a todos que professam a fé em Cristo, promovendo um “Fora Deus”, desencadeando uma grande perseguição a igreja e combatendo a todos os seus descendentes, ou seja, aqueles que obedecem aos Mandamentos e são fiéis a verdade revelada por Jesus. Os templos serão aniquilados, dissipados, queimados, saqueados, a igreja desaparecerá como uma organização, será exilada da sociedade e os cristãos expulsos, passarão fome, não terão assistência, serão despossados de seus imóveis, perderão seus terrenos, serão presos, mortos martirizados (…)

Aos que ficarem, aceite o sofrimento, aguente com paciência e seja fiel, ainda que maltratado, humilhado, torturado, não os resista nem abra a sua boca, aja como um cordeiro levado ao matadouro, como foi Jesus, uma ovelha que permanece muda na presença dos seus tosquiadores e não expressou nenhuma palavra: se tiver que ser preso, seja preso; se tiver que ser morto, seja morto. Pois, àqueles que negarem a fé e adorarem a satanás, beberão da ira de Deus que Ele derramou puro nas sete taças do seu furor.

Marli Savelli

5 de fevereiro de 2018 at 09:59 Deixe um comentário

Posts antigos


Obrigada =)

  • 113.225 Pescadores de Ilusões
"Eu escrevo o que me vem ao coração, não me pergunte o porquê nem pra quem. Preciso!"

.............................................

Proteção Anti-Cópia – O blog está protegido pela Lei de Direitos Autorais. Os textos aqui contidos não podem ser utilizados sem prévia e expressa autorização da autora, ficando o infrator sujeito às penas da Lei 9.610 de 19/02/1998.

Apocalipse, Amor e Fúria

Biblioterapia

Revelação Pessoal

REVELAÇÃO PESSOAL Os significados de certas coisas pra Deus, são diferentes dos significados que tem pra nós. É como se Ele usasse metáforas e analogias, e a gente levasse ao pé da letra da palavra, algumas vezes. Só que não é bem essa a explicação, pois não me refiro as palavras, essa é só uma […]

Brilhantemente

BRILHANTEMENTE A vida é divinamente admirável em sua sabedoria. Um dia ela te tira tudo, porque você precisa aprender alguma lição com a falta, e no outro, brilhantemente, te oferece muito mais, para te ensinar a viver bem… Marli Savelli

Viva Pra Sempre

VIVA PRA SEMPRE Eu queria ficar na cama dormindo, quando eu acordei e vi que você ainda não veio. Paciência, se eu preciso estar sempre viva ou viva pra sempre. Marli Savelli

O Coração ė um Músculo

O CORAÇÃO É UM MÚSCULO – Eu não sei se fala comigo e nem se me dá ouvidos. – Eu não trabalho com o previsto e ajo no anonimato. – Porque a sua forma é sempre dolorosa e humilhante? Que não me veja! – Você quer ser fraca como maria-mole ou forte como rocha? É […]

A Mão Direita

A MÃO DIREITA Eu não posso garantir longuras de vida àqueles que não lançam a mão direita na sabedoria Eu já posso garantir lonjuras da eternidade àqueles que vivem muitas datas ou poucos anos Marli Savelli

Selo da Amizade

Por Clarice Lispector

“Então escrever é o modo de quem tem a palavra como isca: a palavra pescando o que não é palavra. Quando essa não-palavra – a entrelinha – morde a isca, alguma coisa se escreveu. Uma vez que se pescou a entrelinha, poder-se-ia com alívio jogar a palavra fora”. C. Lispector

Licença Poética

Licença poética é uma incorreção de linguagem permitida na poesia. Em sentido mais amplo, são opiniões, afirmações, teorias e situações que não seriam aceitáveis fora do campo da literatura. A poesia pode fazer uso da chamada licença poética, que é a permissão para extrapolar o uso da norma culta da língua, tomando a liberdade necessária para utilizar recursos como o uso de palavras de baixo-calão, desvios da norma ortográfica que se aproximam mais da linguagem falada ou a utilização de figuras de estilo como a hipérbole ou outras que assumem o caráter "fingidor" da poesia, de acordo com a conhecida fórmula de Fernando Pessoa ("O poeta é um fingidor").

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Prof. Dr. José PAZ Rodrigues

Professor Doutor, José PAZ Rodrigues, didata, poliglota, licenciado e graduado em Pedagogia pela Universidade Complutense de Madrid. Especialista mundial em Robindronath TAGORE, tem a melhor biblioteca do mundo dedicada a TAGORE, com mais de 30.000 volumes em todas as línguas, inclusive, edições brasileiras. Estuda este escritor desde 1966, teve como tese de doutorado: “Tagore, Pioneiro da Nova Educação”. (Clique aqui para acessar seus artigos)

Minha Homenagem

Clique na foto do escritor, poeta, romancista e músico indiano, Robindronath TAGORE (7/5/1861-7/8/1941- Calcutá – Índia), para acessar alguns de seus poemas e escritos, publicados em homenagem a ele, que se realiza no ano de 2011, quando se completa 150 anos desde o seu nascimento e 70 de falecimento. Tagore, chamado por Mahatma Gandhi de “o grande mestre”, ganhou em 1913 o prêmio Nobel de Literatura. Tagore, depois de educação tradicional na Índia, completou sua formação na Inglaterra entre os anos de 1878 e 1880 e começou sua carreira poética com volumes de versos em língua bengali. Desde então, traduziu seus livros para o inglês, a fim de lhes garantir maior difusão. Seu mais famoso volume de poesias é Gitãñjali (Oferenda Poética). Fundou, em 1901, uma escola de filosofia, em Santiniketon, que, em 1921, foi transformada em universidade.

Albert Einstein e Tagore

Tagore e Mahatma Gandhi

Lançando a Rede

Prêmio Dardos

Prêmio indicado por Helena Frenzel, do blogue bluemaedel.blogspot.com. Obrigada, querida, pelo carinho, reconhecimento e leituras. “A conquista é nossa! Eu digo nossa porque, a conquista nunca é solitária, existe mais alguém:- aqui, “o leitor”! .Ele me motiva a continuar, está a me inspirar (...)” Marli Savelli

Arquivos

Traduzir